Netflix cancela 2ª temporada de O Clube da Meia-noite

É oficial. Na última sexta-feira (02), a Netflix informou cancelamento da segunda temporada da série O Clube da Meia-Noite.

Segundo informações do The Wrap, o diretor Mike Flanagan fechou contrato com outro streaming concorrente, a Prime Video, e não dará seguimento à série. 

Clube da Meia-noite chegou na Netflix no dia 7 de outubro de 2022,  como uma adaptação do livro de Christopher Mike. Na trama, acompanhamos um grupo de adolescentes com doenças terminais que buscam na clínica um tratamento paliativo enquanto aguardam um milagra de cura. Durante a noite, esses jovens se reúnem de madrugada para contar histórias de terror e fazem pactos sombrios.

A série era sofrida, não precisava de uma segunda temporada. 

Com a confirmação do cancelamento, Flanagan resolveu liberar para os fãs as respostas do que estaria por vir em uma nova temporada. Então, se você assistiu, vamos saber o destino de cada personagem. 

Caso não tenha assistido, aconselho parar por aqui e fugir dos spoilers.

Dr. Stanton

“Dr. Stanton é na verdade a filha do líder original do culto Paragon, Aceso”, escreveu Flanagan. “Seu apelido era Athena, ela escreveu o diário Paragon que Ilonka encontrou na primeira temporada. Ela se voltou contra a mãe e ajudou as crianças a escapar, mas como fez parte do culto na adolescência, ela tinha a tatuagem.”

O Homem do Espelho e a Mulher com Catarata eram, é claro, Stanley Oscar Freelan e sua esposa, que originalmente construíram Brightcliffe.

Kevin e Ilonka

“Há uma razão pela qual Ilonka só vê Stanley no espelho e vê a Mulher com Catarata sempre que ela olha para Kevin”, observou o criador.

“Isso é outra coisa que tiramos do livro original de Pike. Não são fantasmas, mas vislumbres de vidas passadas. Já Ilonka era Stanley Oscar Freelan. Eles viveram muitas vidas – eles sempre se encontram e sempre se apaixonam. Nessa vida, eles sabiam que seria curta, então concordaram em se encontrar na casa que construíram.”

Spence

A produção se passa no final dos anos 1990 e por isso, o jovem já teria acesso aos tratamentos de HIV podendo se recuperar e continuar vivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s